Não Desistas Da Paciência!

Esta frase, chega até mim, através da visualização de um vídeo, há poucos dias atrás. Interpretei-a, inequivocamente, como um pedido. Não desistas da paciência – e que pedido tão desafiante e impressionante!!! Pede-nos que ultrapassemos, constantemente, as nossas limitações e, para que isto aconteça, precisamos de compreensão, humildade, coragem, sabedoria e muiiito treino 🙂

Não Desistas Da Paciência 🙂 Parte I

Atenção, não é isto que nos está a pedir:

  • que sobrevivas em vez de viveres;
  • que te permitas viver numa frequência medíocre pejada de calúnias, injúrias, humilhações e maus tratos;
  • que reprimas o teu verdadeiro eu e que te desconectes dos teus sentimentos;
  • que te submetas a relacionamentos e a situações tóxicas;
  • que continues aprisionado a regras, padrões e crenças que te fazem ter atitudes destrutivas contigo próprio, com os outros e com o Universo.

Aqui, Não Desistas Da Paciência pede-nos para termos paciência para expandirmos a nossa consciência através da abertura ao conhecimento, sempre e cada vez mais à nossa disposição. Pede-nos para termos paciência para fazermos meditação na quietude do silêncio para que possamos libertarmo-nos das vozes dos outros, escutarmos os nossos sentimentos e nos conectarmos ao estado afetuoso do nosso ser.

Não Desistas Da Paciência 🙂 Parte II

Pede-nos que tenhamos paciência para nos observarmos a nós próprios para descobrirmos aquilo que nos causa impaciência:

  • Dormes bem ou acordas várias vezes durante a noite e, para além disso, tens muita dificuldade em voltar a adormecer? 🙂 É melhor aceitar ajuda de um especialista, o sono tranquilo é fundamental para não desistir da paciência 🙂
  • Irritaste fácilmente quando os outros não fazem aquilo que queres ou que estavas à espera? É bom que desenvolvas a tua inteligência emocional porque sobre o mesmo assunto há várias opiniões e várias formas de fazer – desde que não se faça mal a ninguém, não existe o bom ou o mau
  • Há determinado tipo de comportamentos que te irritam? Muitas vezes, o comportamento de outra pessoa irrita-te porque é um comportamento que tu também tens e que queres deixar de ter. Quando te libertares desse comportamento indesejado em ti, esse mesmo comportamento realizado por outra pessoa, torna-se indiferente para ti. É dela, não é teu 🙂

Não Desistas Da Paciência 🙂 Parte III

Agora sim 🙂 o grande desafio 🙂

Quando estamos sintonizados com a nossa essência e o nosso propósito de vida somos coerentes connosco através do pensamento, sentimentos e ações. Libertamo-nos da incongruência que é pensar uma coisa e agir de forma totalmente diferente. Por isso é importante estar atento à nossa vontade antes de responder sim ou não. Passamos a estar focados, seguimos o nosso rumo sem desvios:

Não Desistas Da Paciência 🙂

  • não desanimes, persiste mais um pouco;
  • trabalha constantemente, edifica sempre;
  • desapega-te de injúrias, provocações e ofensas;
  • ressentimento e queixas colocam-nos numa frequência vibracional baixa;
  • eleva-te e dignifica-te a cada dia para que possas crescer e evoluir na vibração da alegria, amor, entusiasmo, fé e gratidão

A vida desafia-nos, faz parte da nossa evolução espiritual e humana, através de testes de compreensão e serenidade.

A evolução faz-se em espiral e em círculos. Caminhamos num círculo até que as aprendizagens desse círculo estejam concluídas e, só depois, subimos para o círculo seguinte.

Não Desistas Da Paciência 🙂

“A vida parece que anda para trás mas não anda, dá voltas e anda sempre para a frente”

Dá o melhor de ti a ti mesmo, ao outro e ao Universo.

A evolução humana está diretamente relacionada com o resgate da consciência. Consciência de que cada ser humano é essência de luz e de amor, que o objetivo é crescer no amor incondicional, no respeito pelas diferenças e por tudo aquilo que nos rodeia.

Caminha, silência e espera… o Universo/Deus e o tempo tudo esclarece 🙂 às vezes parece que demora demasiado tempo!! 🙂

Aceitemos a lei da gestação: Canção de Mariza – Melhor de Mim

“Hoje, a semente que dorme na terra e se esconde no escuro que encerra, amanhã, nascerá uma flor. Ainda que a esperança da luz seja escassa, a chuva que molha e que passa, vai trazer uma outra flor”

Não Desistas Da Paciência 🙂

Deixe um comentário