A Chave Para Atrair Relacionamentos Harmoniosos…

As pessoas que atrais para a tua vida são compatíveis com a forma como te tratas a ti próprio.

Tudo está relacionado com o teu interior. “O teu exterior espelha o teu interior”

Com os relacionamentos acontece a mesma coisa. Se não te amas, se não te cuidas, atrais pessoas que não te respeitam. Se te amas, se te respeitas, se te cuidas, atrais pessoas que te respeitam.

O que pensas, o que sentes sobre ti próprio, atrais. Por exemplo: se és inseguro é provável que atraias pessoas que te humilham, que se aproveitam de ti. Se és uma pessoa segura é provável que atraias pessoas que se harmonizam contigo. É provável que atraias pessoas que te fazem sentir bem, que te respeitam, com quem gostas de conversar, com quem é fácil falar, tudo flui sem esforço. Respeito gera Respeito. Ternura gera Ternura. Amor gera Amor. Carinho gera Carinho.

Nos relacionamentos harmoniosos, dar e receber é algo natural.

Nos relacionamentos tóxicos, acontece o contrário. Nestes, dá-se mais do que se recebe e, muitas vezes, o que se recebe são más palavras,humilhações. Ocorrem, com frequência, situações abusivas. Se não te amas, se não te respeitas, se não te cuidas atrais pessoas que te usam como caixote do lixo para despejar a sua raiva, o seu ressentimento, a sua dor.

Todas as pessoas merecem ser bem tratadas. Ninguém tem o direito de fazer do outro o seu caixote do lixo. Quem trata mal, tem falta de amor. Aqui está: se te tratas mal, se tens falta de amor por ti próprio, atrais pessoas que não têm amor. Desequilíbrio gera Desequilíbrio. Desamor gera Desamor.

Descobre-te…Encontra-te…Define-te…O que queres fazer? O que queres ser? O que queres ter?

Sente-te merecedor de receber tudo de bom que a vida tem. As coisas boas da vida existem para ti. Sim para ti. Permite-te vivenciá-las, permite-te usufruir do bom e do belo.

Para isso, é preciso que aprendas e descubras que tens valor, que a tua unicidade é preciosa. Que podes sempre aprender a amar-te mais. Que podes tornar-te na melhor versão de ti próprio.

Como?

Afastando-te das vozes que te humilham, que não acreditam em ti. Se não acreditam em ti, isso é com eles. Quem não acredita em si, também não acredita nos outros. Escuta a tua voz interior.Todas as pessoas têm algo de maravilhoso dentro de si. Ama-te e atrai pessoas que se amam.

Quem se ama a si próprio, sabendo que tem qualidades e fragilidades, ama os outros. Estamos todos cá para aprender até ao final da vida. Erros? Que erros? Cada pessoa age de acordo com os conhecimentos que tem, em cada fase do processo evolutivo da vida.

Quem se ama, tem a coragem de se descobrir. Sabe que aprende com tudo o que se passou na sua vida e sabe que tem o poder de modificar-se para melhor. Sabe que vive no mundo da catalogação e tem a coragem de ir percebendo o que encaixa ou não, em si próprio. Sobre tudo, cada pessoa tem um entendimento único e próprio.

Agarra-te. Respeita-te. Pões limites e travões.

Mereces ser respeitado pela forma como falam contigo, pelo que te oferecem, mereces que te escutem, sem críticas, mereces que te ajudem a alcançar os teus objetivos.

Assim, respeita-te pela forma como falas contigo: sê gentil e carinhoso contigo próprio, oferece-te a ti o melhor que está ao teu alcance, em cada momento, escuta-te, sem críticas, tem coragem para alcançares os teus objetivos.

“A Paz que vem de dentro, desarma a tempestade que vem de fora”

Deixe um comentário