2 Passos Para Agarrares O Teu Potencial

Descobre o teu propósito

Todas as pessoas têm um valor único e genuíno. No interior de ti, no interior da tua unicidade, existe um propósito que está à espera que tu, sim tu e só tu, tenhas a coragem de o agarrar e de o fazer emergir.

O teu propósito é a tua missão neste mundo para contribuir para a criação de algo maior e melhor.

Todos temos um legado a deixar neste mundo, único e genuíno, tal como tu, tal como a tua impressão digital, única e genuína.

O que é que vieste cá fazer?

O que fazes com vontade, com paixão, com fluidez?

O que te faz sorrir e ajuda os outros a sorrir?

Qual é a necessidade que sentes que existe à tua volta e, para a qual, tu consegues encontrar a solução?

Reconhece o teu potencial, a tua força.

Qual é a marca que queres deixar no mundo?

Qual é a ação que tens que ter para colocar a tua marca no mundo?

O que é que fazes com firmeza, segurança e assinas por baixo?

Qual é a tua responsabilidade em relação ao mundo?

“A tua vida transforma-se quando pões a tua inspiração em ação” – Mário Caetano

 

Vence os medos

“O medo e a dúvida nascem connosco, na nossa sociedade ou, provávelmente, são coisas incutidas ao longo da vida – quando chegamos a uma fase da nossa vida em que queremos dar o salto, é normal que esses medos e essas dúvidas surjam” – Fábio Lopes

“Os medos são barreiras que são criadas à nossa volta ou que nós criamos a nós próprios: achamos sempre que não temos capacidade para chegar mais longe, vemos quem o consegue fazer mas, achamos sempre que chegaram porque têm qualidades especiais para lá chegarem. Há que tentar ver as coisas de outra maneira: se aquela pessoa conseguiu chegar ali, eu só tenho que tentar perceber o que é que ela fez para lá chegar, não sou mais nem menos do que ninguém e, talvez, se seguir o caminho dela, também lá chego, como ela chegou” – Pedro Candeias

Começa a libertar-te dos medos.

Quando começas a libertar-te dos medos começas a ser mais livre e feliz.

O que precisas fazer?

  • Perceber que nos incutem medo desde crianças e que o medo dificulta a nossa felicidade e paz de espírito,
  • Perceber que os medos são mensagens negativas que temos incutidas dentro de nós, das quais não nos damos conta, e que nos impedem de viver plenamente,
  • Perceber que o mundo nos ensina a ter medo, ensina-nos que viver é perigoso. Como crianças obedientes ouvimos, acreditamos e sentimos.

Aquilo em que acreditamos e pensamos torna-se na nossa realidade, na forma como nos posicionamos em relação a nós próprios, aos outros e ao mundo.

Daí a expressão: “O nosso exterior reflete o nosso interior”

Há que aprender a transformar os pensamentos de medo em pensamentos de segurança.

Convido-te a visitar a entrevista do Pedro Candeias e do Fábio Lopes, no meu canal do youtube.

Lembra-te de clicar no botão vermelho – subscrever e no sininho que está ao seu lado

https://www.youtube.com/edit?video_id=adWlAciTiVM&video_referrer=watch

 

Deixe um comentário